Publicado por: z. Jan Righi | outubro 5, 2010

Cotidiano.

Toda noite ela diz
Pr’eu não me afastar
Meia-noite ela jura eterno amor
E me aperta pr’eu quase sufocar
E me morde com a boca de pavor…

Necessidade de proximidade, talvez seja o mal da grande maioria das apaixonadas carentes, nunca querendo que seus amores as deixem, desejando que eles nunca saiam pela porta ou as beijem pela ultima vez em uma porta alheia.

Já dizia Summer, a mais sábia das mulheres ficticias, relacionamentos são bagunçados e os sentimentos dos outros são feridos. Parece que 90% dos relacionamentos que eu achava solidos estão desmoronando. Comodismo, medo, liberdade ou prisão. Relacionamentos de tres, seis, sete e um ano e sete meses parecem se esvair como uma torneira com defeito. Tem uma frequencia continua e ai vão caindo as ultimas gotas, minguando, minguando e minguando, cada vez que você fecha essa torneira.

Acho que todos nós precisamos de um tempo sozinhos e apenas nos envolver em relacionamentos se você realmente estiver pronto pra isso, com seus estudos, cabeça, profissão e corpo no lugar. Corpo são, mente sã. Essa frase define como alcançar quase tudo que você quiser. Não existem mentes sãs a minha volta, nem corpos sãos. Meu corpo e minha mente estão longe de estarem sadios.

Confusão pré vestibular, emprego, atrasos, quedas, problemas internos estão colaborando pra minha mente ficar menos sã, me deixando estressada, nervosa, cheia de energias que eu mesma atraio. Falta de exercicios, má alimentação, na verdade, péssima alimentação me deixam inchada, desregulada, com sono, com falsa fome.

A organização do ser humano, por mais bagunçado que ele seja, é necessária. Excessos, não só alcool ou qualquer outro vicio, mas o excesso de café, de refrigerantes, de lanches, de besteiras, de restos dos outros, esse tipo de coisa atrapalham o funcionamento pleno de nossa máquina e nem sempre o dano é a longo prazo, é possivel senti-lo a cada dia.

Ter um emprego estável e bom, um salario razoavel, alguns amigos para confessar os possiveis problemas e aliviar as tensões e quem sabe um amor pra segurar a mão, dormir abraçado, fazer cafuné, ver as luzes da cidade em um lugar dos dois. A união dessas coisas fazem alguém feliz. E a felicidade parece ser dificil de se encontrar, mais do que qualquer ciosa, mesmo sabendo onde ela está.

Summer: [Tom is listening to headphones in an elevator with Summer. She notices the music] I love the Smiths.
Tom: Sorry?
Summer: I said I love the Smiths.
Summer: [they stare at each other for a moment] You… You have good taste in music.
Tom: [repeating after her] You… like the Smiths?
Summer: [singing] To die by your side, such a heavenly way to die.
[speaking]
Summer: I love’ em.
Tom: [elevator stops, Summer leaves while Tom remains dumbfounded] Holy shit.

As chances de você se apaixonar por alguém que está apaixonado por você não parecem ser muito grandes, mas são. Essas coisas acontecem em todo momento, mas sempre acontece uma coisa com os relacionamentos: a vida. A vontade de conhecer o resto antes de se apegar a um só, o desejo de sair por ai fazendo estupidez e não ter que dar satisfações a alguem quado chegar em casa, mas uma hora todos sossegamos. E quando você está sosssegado e o outro está a mil por hora? O que fazer? Ninguém me explicou na escola, ninguém vai me responder, nem responder a ninguém, ninguém sabe, ninguém saberá.

Precisamos sempre errar, de erros novos, perder é mais do que hesitar e ter dúvidas.Uma hora ou outra, as pessoas entram em sintonia e quando ele quiser sossegar, eu vou querer e você também. Se as palavras sobre sentimentos são verdadeiras ou não, só quando a sintonia acontecer que iremos saber.

And no one knows.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: